Sou novo aqui: dúvidas e dicas

No Rallye do Batom não precisa experiência

Você, que é marinheiro de primeira viagem, nada de preocupação. Para participar do Rallye do Batom não precisa ser um piloto ou navegador experiente. A competição é de regularidade e os carros são os mesmos utilizados no dia-a-dia, sem qualquer tipo de preparação especial. A prova começa com as competidoras das categorias Graduados, Turismo e Expedition e Batom 4x4 que vão percorrer uma mesma trilha. Na sequência partem para a aventura os competidores das categorias Convidados/Imprensa, Batom 4x2 e Turismo 4x2, que terão uma trilha diferenciada, mais leve, porém sem deixar de contar com muita emoção. Apesar ser uma trilha com menos obstáculos, se engana quem acha que vai faltar adrenalina para a turma do 4x2.

A largada já está definida para o Jardim dos Namorados, mesmo local da edição do ano passado. Após a aventura em cerca de 120 km de trilhas, por diversos municípios da Região Metropolitana do Salvador, os competidores participam da festa de confraternização, onde o tradicional e delicioso buffet de feijoada será servido para recompor as energias perdidas durante a prova. Também haverá a premiação das cinco primeiras duplas colocados de cada categoria, receberão premiação: as três melhores ‘Garotas do Batom’; além do ‘carro mais enfeitado’.

Objetivo

Por meio do presente projeto, o Automóvel Clube da Mulher pretende fortalecer uma categoria de rally especificamente voltada para as mulheres. A falta de uma oferta mais ampla de campeonatos voltados para as mulheres acaba gerando um vazio na carreira de muitas atletas, que não têm perspectiva de continuidade e, também, de muitas mulheres amantes do automobilismo, que acabam perdendo o interesse e o gosto pelo esporte. Cada vez mais as mulheres tem conquistado seu espaço dentro do esporte, no Brasil e no mundo. Porém, no automobilismo isso ainda não é a realidade forte. Nesse contexto, entendemos que estamos atuando para uma maior democratização do rally automotivo e do automobilismo como um todo.

Fique por dentro

Deslocamento

Descolamento é representado pela letra D. É o tempo que o participante tem que percorrer até o final do trecho e aguardar a hora da sua relargada.

Cuidado com o trânsito

O Rallye do Batom vai passar por estradas municipais e vicinais, aberta ao tráfego normal de outros veículos. Estejam sempre atentos ao trânsito contrário em estradas estreitas, pontes e curvas perigosas. Não se arrisque e não proporcione riscos aos outros. Cuidado com ciclistas, pedestres e animais.

Neutros

Neutro é representado pela letra N. Você deve permanecer parado até a hora ideal da sua relargada.

Velocidade

Velocidade é representada pela letra V. Você deve manter a velocidade média que é exigida para percorrer cada trecho.

Posto de controle (PC)

Os dados de cada dupla competidora serão coletados por um coletor de dados (GPS) em todo o trajeto da prova, desde a largada até a chegada. A apuração será realizada através dos dados coletados dos GPS.

Cronometragem

Tempo ideal é aquele momento exato em que o participante deve estar no ponto designado dos PC's. Para cada segundo que o participante passar atrasado ou adiantado, em relação ao seu tempo ideal, ele perde pontos.

Hodômetro

Todas as indicações na planilha sempre se referem à determinada quilometragem. Portanto, o primeiro passo após a largada será identificar qual a diferença de marcação do seu hodômetro para o hodômetro da organização e sempre que a planilha for consultada, não se esqueça de levar em consideração a diferença encontrada. Para facilitar, em alguns momentos a planilha manda ZERAR o hodômetro, procurando diminuir os erros de aferição.

Aferição

Você deve conferir o hodômetro do seu carro com a aferição oficial da prova para ver se a diferença de marcação está para mais ou para menos

Tulipa

Todas as referências da planilha de prova têm um desenho explicativo da situação que o participante encontrará pela frente, que deverá ser o mais fiel possível dentro do conhecido código tulipa, que consiste em simbologia de fácil percepção. Nos desenhos a posição do piloto é representada por uma bolinha, sempre no canto inferior do desenho e a seta indicará o caminho a ser seguido. Quando necessário, na coluna de observações haverá uma descrição da forma de agir ou direção a seguir.

Planilha

A planilha de prova contém todas as informações necessárias para se percorrer a trilha. Antes da largada, cada participante receberá sua planilha, que contém retângulos sequenciais e todas as informações necessárias para a navegação, tais como: quilometragem de referência; símbolo de identificação; velocidade média no trecho; tempo acumulado; e observações com demais orientações, quando necessárias.

Dicas

Para evitar os problemas mais comuns que acontecem numa competição desse tipo, preste bem atenção nas dicas abaixo, e você terá toda condição de fazer o percurso da prova, com tranquilidade, chegando ao Catussaba Resort Hotel em ritmo de comemoração pela sua participação, e preparado para curtir a festa e aguardar a próxima edição do Rallye do Batom, em 2015.

  • Chegue para a largada no horário estipulado pela direção da prova, com toda a documentação do veículo e a do condutor; o carro abastecido, pneus calibrados (inclusive o estepe), ferramentas básicas como: chave de roda, chave de fenda, alicate, arame, fita adesiva. Verifique também óleo e água.
  • Acerte com muita precisão o seu relógio digital com o horário oficial da prova, o qual deverá ser conseguido com os organizadores antes da largada.
  • Como em qualquer competição, a concentração é fundamental para você conseguir bons resultados. Procure não conversar durante o trajeto da trilha sobre outro assunto que não seja o roteiro e o tempo. Deixe para festejar após o final da prova.
  • Tome muito cuidado para não perder seu horário de saída dos neutros, principalmente nos mais longos (de alimentação e abastecimento).
  • Lembre-se que o mais importante é acertar o roteiro, pois não adianta andar no tempo certo, no trecho errado. O navegador deve "cantar" qual a próxima referência e o piloto deve memorizar até a referência no seu visual (fique repetindo mentalmente).
  • Ligar o cronômetro na largada e desligar somente quando acabar a prova.
  • Na largada disparar o cronômetro, ao sinal do Diretor da Prova ou Largada. Caso você queira, ajuste o seu relógio para meia-noite (zero hora).
  • Na largada ZERAR o hodômetro do carro e fazer isso, novamente, SOMENTE ONDE A PLANILHA MANDAR.
  • O piloto deve manter a velocidade média estabelecida para cada trecho.
  • Se ficar em dúvida de qual direção deve ir, procure a que tem mais marcas de pneu.
  • Se ficar perdido, volte, COM CUIDADO, para a última referência que você tenha certeza que era a correta.
  • Leve mais de um cronômetro confiável, caso um pare de funcionar durante a prova.
  • Grife, na planilha, lugares onde tem que zerar o hodômetro e mudanças de média de velocidade.
  • Não abuse da velocidade, mesmo que esteja atrasado. Lembre-se que estamos em estradas vicinais, de trânsito normal e não em um autódromo.
  • Use o cinto de segurança. Os Zequinhas também devem utilizar. O não uso desse equipamento obrigatório acarreta na desclassificação da dupla.
  • Não pare nas curvas, para não provocar acidentes e se o carro der uma pane, pare no acostamento, sinalize, ligue para o carro resgate e aguarde socorro.
  • Com poeira intensa, reduza a velocidade e dirija com cautela. A festa lhe espera no Catussaba.
  • Use roupa confortável (CAMISA DO EVENTO É OBRIGATÓRIA) e calçados leves, sem solas grossas demais ou saltos altos.
  • Se você usa lentes corretoras (óculos ou lentes de contato), mantenha-as limpas e leve sobressalentes.
  • No dia anterior a prova procure dormir cedo e não consuma bebidas alcoólicas. No dia da prova tome um bom café da manhã à base de sucos e frutas que podem ajudar muito.
  • Não jogue lixo ou detritos na estrada e/ou logradouros do percurso, inclusive a folha do livro de bordo já usada.
  • O navegador deve assinar toda a documentação: ficha de vistoria, ficha de chegada e receber a ficha técnica na chegada.